Imprimir

Teste: Unidades de Conservação

Ligado . Publicado em Divulgação Científica . Acessos: 4662

Teste seus conhecimentos sobre essas importantes
áreas legalmente protegidas


Este teste é uma colaboração de Ronilson Jose da Paz tendo como uma de suas principais fontes o livro Unidades de Conservação no Brasil: História e Legislação (www.ronilson-paz.net/livro04.html).

Mais informações: / www.ronilson-paz.net/
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. / Ronilson Jose Paz, M.Sc. -
Caixa Postal 5063 - Joao Pessoa - PB – 58051-970

1- Que norma instituiu a definição legal do termo Unidade de Conservação?

a) Decreto nº 8.843/1911, que cria a Reserva Florestal do Acre.
b) Lei nº 6.902/1981, que dispõe sobre a criação de Estações Ecológicas e Áreas de Proteção Ambiental.
c) Decreto nº 89.336/1989, que dispõe sobre as Reservas Econômicas e as Áreas de Relevante Interesse Ecológico.
d) Decreto nº 98.897/1990, que dispõe sobre as reservas extrativistas.
e) Lei nº 9.985/2000, que instituiu o Sistema Nacional de Unidades de Conservação.

2- Qual a primeira unidade de conservação federal do Brasil?

a) Reserva Florestal do Acre.
b) Parque Nacional de Itatiaia.
c) Parque da Cidade.
d) Parque Nacional da Amazônia.
e) Reserva Biológica Guaribas.

3- Em que ano foi criada a primeira unidade de conservação na Amazônia Legal brasileira?

a) 1886.
b) 1911.
c) 1937.
d) 1948.
e) 1974.

4- Que unidade de conservação é considerada o marco histórico da criação de áreas protegidas?

a) Parque Nacional Yellowstone, Estados Unidos.
b) Parque Nacional Krüger, África do Sul.
c) Parque Nacional Blue Mountains, Austrália.
d) Parque Nacional de Itatiaia, Brasil.
e) Parque Nacional Yorkshire Dales, Reino Unido.

 

5- Qual destes Biomas brasileiros está sendo negligenciado pelo poder público, com relação à criação de Unidades de Conservação?

a) Mata Atlântica Costeira.
b) Cerrado.
c) Floresta Amazônia.
d) Caatinga.
e) Pantanal Matogrossense.

6- Em qual dispositivo legal o Poder Público Federal reconhece que a devastação desordenada das matas produz, em todo o país, efeitos sensíveis e desastrosos, principalmente alterações na constituição climática de várias zonas e no regime das águas pluviais e das correntes que delas dependem?

a) Decreto nº 8.843/1911, que cria a Reserva Florestal do Acre..
b) Decreto nº 1.298/1994, que aprova o Regulamento das Florestas Nacionais.
c) Decreto nº 1.922/1996, que dispõe sobre o reconhecimento das Reservas Particulares do Patrimônio Natural - RPPN.
d) Decreto Legislativo nº 144/2002, que aprova o texto do Protocolo de Quioto à Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima.
e) Decreto nº 5.445/2005, que promulga o Protocolo de Quioto à Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima.

7- O que está definido como um espaço territorial e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente instituído pelo Poder Público, com objetivos de conservação e limites definidos, sob regime especial de administração, ao qual se aplicam garantias adequadas de proteção?

a) Reserva Biológica - REBIO.
b) Área de Relevante Interesse Ecológico - ARIE.
c) Unidade de Conservação - UC.
d) Reserva de Fauna.
e) Área de Proteção Ambiental - APA.

8- Constituem objetivos do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, EXCETO:

a) Contribuir para a manutenção da diversidade biológica e dos recursos genéticos no Território Nacional e nas águas jurisdicionais.
b) Proteger e recuperar recursos hídricos e edáficos.
c) Valorizar econômica e socialmente a diversidade biológica.
d) Favorecer condições e promover a educação e interpretação ambiental, a recreação em contato com a natureza e o turismo ecológico.
e) Assegurar à atual e às futuras gerações a necessária disponibilidade de água, em padrões de qualidade adequados aos respectivos usos.

9- Constituem diretrizes do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, EXCETO:

a) A integração da gestão das bacias hidrográficas com a dos sistemas estuarinos e zonas costeiras.
b) Assegurem os mecanismos e procedimentos necessários ao envolvimento da sociedade no estabelecimento e na revisão da política nacional de unidades de conservação.
c) Assegurem a participação efetiva das populações locais na criação, implantação e gestão das unidades de conservação.
d) Incentivem as populações locais e as organizações privadas a estabelecerem e administrarem unidades de conservação dentro do sistema nacional.
e) Assegurem, nos casos possíveis, a sustentabilidade econômica das unidades de conservação.

10- Qual o órgão consultivo e deliberativo do Sistema Nacional de Unidades e Conservação - SNUC?

a) Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA.
b) Serviço Florestal Brasileiro - SFB.
c) Secretaria Especial do Meio Ambiente - SEMA.
d) Conselho Nacional do Meio Ambiente - CONAMA.
e) Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio.

 

11- Que órgão do Poder Público Federal é responsável pela criação, fiscalização e gestão das Unidades de Conservação?

a) Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA.
b) Serviço Florestal Brasileiro - SFB.
c) Secretaria Especial do Meio Ambiente - SEMA.
d) Conselho Nacional do Meio Ambiente - CONAMA.
e) Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio.

12- Qual o objetivo básico das Unidades de Proteção Integral?

a) Transformar as Unidades de Conservação em santuários, não permitindo a sua visitação ou qualquer tipo de uso.
b) Preservar a Natureza, não sendo admitido sequer o uso indireto dos seus recursos naturais, com exceção dos casos previstos na Lei nº 9.985/2000.
c) Preservar a Natureza, sendo admitido apenas o uso indireto dos seus recursos naturais, com exceção dos casos previstos na Lei nº 9.985/2000.
d) Compatibilizar a conservação da Natureza com o uso sustentável de parcela dos seus recursos naturais.
e) Compatibilizar a conservação da Natureza, não sendo permitido o uso sustentável de parcela dos seus recursos naturais.

13- Qual o objetivo básico das Unidades de Uso Sustentável?

a) Transformar as Unidades de Conservação em santuários, não permitindo a sua visitação ou qualquer tipo de uso.
b) Preservar a Natureza, não sendo admitido sequer o uso indireto dos seus recursos naturais, com exceção dos casos previstos na Lei nº 9.985/2000.
c) Preservar a Natureza, sendo admitido apenas o uso indireto dos seus recursos naturais, com exceção dos casos previstos na Lei nº 9.985/2000.
d) Compatibilizar a conservação da Natureza com o uso sustentável de parcela dos seus recursos naturais.
e) Compatibilizar a conservação da Natureza, não sendo permitido o uso sustentável de parcela dos seus recursos naturais.

14- Que categoria de Unidades de Proteção Integral tem como objetivo a preservação da Natureza e a realização de pesquisas científicas?

a) Monumento Natural.
b) Reserva Biológica - REBIO.
c) Parque Nacional - PARNA.
d) Estação Ecológica - ESEC.
e) Refúgio de Vida Silvestre.

15- Que categoria de Unidade de Uso Sustentável tem como objetivos básicos proteger a diversidade biológica, disciplinar o processo de ocupação e assegurar a sustentabilidade do uso dos recursos naturais?

a) Reserva Particular de Patrimônio Natural.
b) Área de Proteção Ambiental - APA.
c) Área de Relevante Interesse Ecológico - ARIE.
d) Reserva de Desenvolvimento Sustentável - RDS.
e) Floresta Nacional - FLONA.

16- Que categoria de Unidades de Conservação só pode ser constituída em áreas de posse e domínio privados?

a) Reserva Particular de Patrimônio Natural - RPPN.
b) Área de Proteção Ambiental - APA.
c) Área de Relevante Interesse Ecológico - ARIE.
d) Reserva de Desenvolvimento Sustentável - RDS.
e) Floresta Nacional - FLONA.

17- Na criação de quais Unidades de Conservação não é obrigatória a consulta pública?

a) Parque Nacional e Refúgio de Vida Silvestre.
b) Monumento Natural e Estação Ecológica.
c) Reserva Biológica e Parque Nacional.
d) Monumento Natural e Refúgio de Vida Silvestre.
e) Estação Ecológica e Reserva Biológica.

18- As unidades de conservação devem possuir uma zona de amortecimento e, quando conveniente, corredores ecológicos, EXCETO:

a) Estação Ecológica e Reserva Biológica.
b) Área de Relevante Interesse Ecológico e Área de Proteção Ambiental.
c) Área de Proteção Ambiental e Reserva Particular do Patrimônio Natural.
d) Reserva de Desenvolvimento Sustentável e Floresta Nacional.
e) Monumento Natural e Parque Nacional.

19- Com relação ao licenciamento de atividades potencialmente causadoras de dano ambiental em Unidades de Conservação, é correto afirmar que:

a) Nas unidades de conservação onde não é necessária a existência de zona de amortecimento, não há a exigência de licenciamento ambiental.
b) nas áreas circundantes das unidades de conservação, num raio de dez quilômetros, qualquer atividade que possa afetar a biota, deverá ser obrigatoriamente licenciada pelo órgão responsável por sua administração.
c) O licenciamento ambiental de atividade potencialmente causadora de dano ambiental localizada dentro de unidades de conservação ou em seu em torno deverá ser obrigatoriamente concedido pelo IBAMA.
d) Dentro de unidades de conservação e em seu em torno não poderá ser realizada nenhuma atividade potencialmente causadora de dano ambiental.
e) Para a realização de licenciamento ambiental de atividade potencialmente causadora de dano ambiental localizada dentro de unidades de conservação ou seu em torno deverá ser obrigatoriamente realizada consulta pública.

20- Considerando as assertivas adiante elecandas, assinale a alternativa ERRADA:

a) Zoneamento: Definição de setores ou zonas em uma unidade de conservação com objetivos de manejo e normas específicos, com o propósito de proporcionar os meios e as condições para que todos os objetivos da unidade possam ser alcançados de forma harmônica e eficaz.
b) Plano de Manejo: Documento técnico mediante o qual, com fundamento nos objetivos gerais de uma unidade de conservação, se estabelece o seu zoneamento e as normas que devem presidir o uso da área e o manejo dos recursos naturais, inclusive a implantação das estruturas físicas necessárias à gestão da unidade.
c) Diversidade Biológica: A variabilidade de biomas de todas as origens, compreendendo, dentre outros, os ecossistemas terrestres, marinhos e outros ecossistemas aquáticos, bem como os complexos ecológicos de que fazem parte; compreendendo ainda a diversidade dentro dos ecossistemas.
d) Zona de Amortecimento: O em torno de uma unidade de conservação, onde as atividades humanas estão sujeitas a normas e restrições específicas, com o propósito de minimizar os impactos negativos sobre a unidade.
e) Corredores Ecológicos: Porções de ecossistemas naturais ou seminaturais, ligando unidades de conservação, que possibilitam entre elas o fluxo de genes e o movimento da biota, facilitando a dispersão de espécies e a recolonização de áreas degradadas, bem como a manutenção de populações que demandam para sua sobrevivência áreas com extensão maior do que aquela das unidades individuais.

 

Total de Acertos:

ALERJ

DMC Firewall is a Joomla Security extension!